Jump to content

Recommended Posts

Sim, minha familia mora na Juazeiro. Mas tava muito tempo se eu visitou Brasil, ta con saudade de minha familia.

Nao sei oque você ta perguntando da musica, vocue ta perguntando si eu sabe di Juazeiro por que a musica?

 

Perguntei porque descobri que há uma música que fala sobre Juazeiro e Petrolina.

Não conhecia a música.

Link to post
Share on other sites

Moro na Bahia, e você?

 

Teresina. (Neste momento meu teclado está derretendo enquanto escrevo :P)

 

 

 

oiço 

 

Bastante contraditório, seu português. Eu estava maravilhado com a beleza do modo como escreve até me deparar com isso  :amane:

Oi, sou do Rio. Carioca que odeia samba, carnaval, futebol, cerveja e gente XD

 

Ps: não faço encontros offline :P

 

Eu odeio samba, carnaval e gente também :) 

Link to post
Share on other sites

Bastante contraditório, seu português. Eu estava maravilhado com a beleza do modo como escreve até me deparar com isso  :amane:

Foi previamente avisado. Escrever não é o meu forte. Raramente o faço, hoje em dia. O meu Português é maioritariamente oral.

 

(Assim como um gratuito extra: os meus erros the ortografria e estrutura de frase)

Para além do mais, maldita seja esta língua.

Se temos louça e temos loiça, assim do mesmo modo que temos ouro, oiro, tesouro e tesoiro, quão difícil seria termos 'oiço'?

 

Por outro lado, também não há abeilhas ou teixtos... Escrever é deveras complicado...

Link to post
Share on other sites

Foi previamente avisado. Escrever não é o meu forte. Raramente o faço, hoje em dia. O meu Português é maioritariamente oral.

 

Em Portugal vocês usam maioritariamente? Interessante... Aqui usamos "majoritavelmente".

 

 

 

Para além do mais, maldita seja esta língua.

Se temos louça e temos loiça, assim do mesmo modo que temos ouro, oiro, tesouro e tesoiro, quão difícil seria termos 'oiço'?

 

EH?! Eu nunca ouvi falar de loiça, oiro, ou tesoiro. Pensei que isso fosse apenas no português arcaico. Mas de qualquer forma, você ainda escreve de forma muito bela. Acho que receberia nota máxima em redação se escrevesse como você...

Link to post
Share on other sites

Em Portugal vocês usam maioritariamente? Interessante... Aqui usamos "majoritavelmente".

 

 

 

EH?! Eu nunca ouvir falar de loiça, oiro, ou tesoiro. Pensei que isso fosse apenas no português arcaico. Mas de qualquer forma, você ainda escreve de forma muito bela. Acho que receberia nota máxima em redação se escrevesse como você...

"Majoritavelmente"... Deixai-me dizer-vos que é um modo verdadeiramente peculiar de escrever a palavra. E diz-se tal como se lê?

Gosto de como soa, por muito "estrangeiro" que me pareça.

 

Embora eu diga "loiça", eu tipicamente escrevo "louça". O contrário se aplica a "ouro", que é como eu a pronuncio, e "oiro", que é como eu a escrevo.

De qualquer modo, estou bastante seguro que ambas fazem parte to dicionário Português e são perfeitamente aceitáveis (É com a melhor das intenções que eu sugiro que escreva tal como pronuncia. Complicação desnecessária pode ser a minha especialidade, mas você não tem qualquer necessidade disso).

Link to post
Share on other sites

bem, eu também nunca vi oiro e loiça. Talvez ocorra só em Portugal? O máximo que consigo pensar é, foneticamente, vc pode transcrever como "oro", "loça", por ser falado assim.

 

Oro? Assim é espanhol, não?

 

 

"Majoritavelmente"... Deixai-me dizer-vos que é um modo verdadeiramente peculiar de escrever a palavra. E diz-se tal como se lê?

 

Sim. O que não se diz como se lê? Você quer dizer essas variações que mencionou? Se assim for, elas não são comuns aqui. Todos só dizem "ouro", "ouça"; apenas "loiro" e "louro" variam, mas acredito que o primeiro seja mais usado (o segundo é mais empregado para se referir ao tempero homônimo).

Link to post
Share on other sites

O que não se diz como se lê?

É uma questão de sotaques.

Eu vivo perto de Lisboa, e fala-se de certo modo. Por exemplo, as palavras "Abelha", "Ovelha", "Vermelho" e "Caranguejo" leem-se todas como "Abeilha", "Oveilha", "Vermeilho" e "Carangueijo" ('ei' sendo um 'a' não-agudo, como o segundo 'a' em pássaro).

Noutras zonas, por exemplo mais a norte, "vassoura" e "vaca" podem ser ditas como "bassoura" e "baca", tal como "café" pode ser "cafei".

 

Dada toda esta complicação de palavras, eis um clip de audio no qual eu tento demonstrar o que acabei de explicar.

https://soundcloud.com/tiago-varela-3/abeilhas-e-bassouras

Isto trata-se somente de um exemplo, e embora eu possa confirmar que eu já tenha, no passado, ouvido estas palavras pronunciadas tal come eu as disse, o meu sotaque poderá não estar completamente correcto, mas certamente dará alguma idea.

 

 

Para além do mais, toda a minha família me assegura que "oiço" é uma forma correta de conjugar e escrever o verbo. Mesmo que eu não esteja certo, não serei o único!

Link to post
Share on other sites

É uma questão de sotaques.

Eu vivo perto de Lisboa, e fala-se de certo modo. Por exemplo, as palavras "Abelha", "Ovelha", "Vermelho" e "Caranguejo" leem-se todas como "Abeilha", "Oveilha", "Vermeilho" e "Carangueijo" ('ei' sendo um 'a' não-agudo, como o segundo 'a' em pássaro).

Noutras zonas, por exemplo mais a norte, "vassoura" e "vaca" podem ser ditas como "bassoura" e "baca", tal como "café" pode ser "cafei".

 

Dada toda esta complicação de palavras, eis um clip de audio no qual eu tento demonstrar o que acabei de explicar.

https://soundcloud.com/tiago-varela-3/abeilhas-e-bassouras

Isto trata-se somente de um exemplo, e embora eu possa confirmar que eu já tenha, no passado, ouvido estas palavras pronunciadas tal come eu as disse, o meu sotaque poderá não estar completamente correcto, mas certamente dará alguma idea.

 

 

Para além do mais, toda a minha família me assegura que "oiço" é uma forma correta de conjugar e escrever o verbo. Mesmo que eu não esteja certo, não serei o único!

 

Ah, sim... Agora entendo do que se trata. Aqui também há isso. Caranguejo é geralmente pronunciado "carangueijo". Nós também engolimos o "i" de dinheiro, beijo, travesseiro. O "d" tem geralmente som de "dj", correpondente ao "j" em "jelly". O "r" no final é também geralmente ignorado. O "t" tem som de "ch", como em "cherry". "Mas" é comumente pronunciado do mesmo modo de "mais". E assim por diante... Mas isso depende da região do país também.

Link to post
Share on other sites

Oro? Assim é espanhol, não?

 

É uma variação apenas na fala. Quando vc faz a transcrição fonética de uma palavra [ou seja, escreve os sons dela], vc se baseia na fala. Aqui no Rio, é comum as pessoas comerem o U, I no meio de palavras e o R no final [cantá, falá, brincá], e isso pode ser marcado na transcrição fonética. Me ignora, eu faço letras, por isso penso nessas coisas haha

 

E Tiago, eu confio no que vc está dizendo, acredito que falem assim mesmo. Still, é uma variação que eu não vejo no meu cotidiano, e acredito que o star também não veja muito.

Link to post
Share on other sites

É uma variação apenas na fala. Quando vc faz a transcrição fonética de uma palavra [ou seja, escreve os sons dela], vc se baseia na fala. Aqui no Rio, é comum as pessoas comerem o U, I no meio de palavras e o R no final [cantá, falá, brincá], e isso pode ser marcado na transcrição fonética. Me ignora, eu faço letras, por isso penso nessas coisas haha

 

E Tiago, eu confio no que vc está dizendo, acredito que falem assim mesmo. Still, é uma variação que eu não vejo no meu cotidiano, e acredito que o star também não veja muito.

 

Acho que já vi, no entanto, "oiço" nos livros de Machado de Assis. Acho que entrou em desuso no Brasil, tipo "cousa" 

Link to post
Share on other sites
  • 3 months later...

Hoje pus-me a pensar em certas coisas, e surgiram-me algumas questões (Fazíeis vós alguma ideia de que "questão" se trata de, surpreendentemente, um empréstimo do Inglês "question" ou do Francês "question"?).

Como traduzirias vós a expressão "Venha o Diabo e escolha." para o Inglês?

Outra pergunta seria, e esta não se aplica necessáriamente aos Brazileiros uma vêz que a cultura difere neste particular aspeto, como se refere aos seus pais e entes queridos? Tratai-los por "você"? Ou por "tu"? Qual a sua opinião sobre o assunto?
Pessoalmente, sou incapaz de tratar a família por "você" (embora não veja qualquer problema em arranjar modo algum de enfiar "vós" ou verbos na segunda pessoa do plural nas minhas frases diárias. Mesmo estando mal conjugados, pois eu não os sei conjugar devidamente.)

Edited by Tiagofvarela
Link to post
Share on other sites

@Amagami, @Silvz, de onde vocês são? Não estou perguntando dos outros, porque não conheço as regiões de Portugal (só sei que existe Lisboa, Coimbra, e alguma coisa detrás montes...)

 

Moro na Bahia, e você?

Olha mais um bahiano

eu tb moro na bahia, não esperava mesmo encontrar um tópico desses aqui, tenho de melhorar meu inglês.

Link to post
Share on other sites
  • 7 months later...

Que tópico inesperado. Até ler português na internet é estranho para mim já que eu parei de frequentar sites em português desde que aprendi a ler inglês.

Bem...Um oi de Pernambuco. É meio reconfortante saber que há Brasileiros (e Portugueses) na Fuwanovel. Agora só preciso achar um monarquista que goste de anime e outras coisas 2D para deixar de me sentir um esquisito.

Espero que nada que eu escreva soe esquisito. Sempre fui desleixado com meu português e a desde que aprendi a ler inglês eu tenho "estranhado" algumas expressões portuguesas.

On 23/08/2015 at 8:06 PM, Silvz said:

odeia samba, carnaval, futebol, cerveja e gente

Não sou carioca mas também não gosto de nada disso. :D

Link to post
Share on other sites
Just now, Caio000 said:

Que tópico inesperado. Até ler português na internet é estranho para mim já que eu parei de frequentar sites em português desde que aprendi a ler inglês.

Bem...Um oi de Pernambuco. É meio reconfortante saber que há Brasileiros (e Portugueses) na Fuwanovel. Agora só preciso achar um monarquista que goste de anime e outras coisas 2D para deixar de me sentir um esquisito.

Espero que nada que eu escreva soe esquisito. Sempre fui desleixado com meu português e a desde que aprendi a ler inglês eu tenho "estranhado" algumas expressões portuguesas.

Não sou carioca mas também não gosto de nada disso. :D

Um monarquista? Ora esta! Não se sinta sozinho, indubitavelmente, eu partilho os seus ideais.
O prazer é todo seu, tenho a certeza.

Partilho também as suas esperiências relativamente à internet e à incapacidade the escrita. O português é-me pouco usual quado estou no computador.

Por fim, concordo. Pouco me interessa o futebol, a cerveja, as pessoas (Deus me livre, tanta gente) e o samba. O que não me impede de vestir o meu melhor fato no dia de carnaval, claro.

 

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...